Stats 

Benfica Atlético Madrid

Liga dos Campeões

2015-12-08 19:45

RTP1
O meio centenário de Júlio César no Benfica
2015-12-07

Júlio César completa frente ao Atlético de Madrid 50 jogos nas redes do Benfica, desde a estreia, a 21 de Setembro de 2014, na receção ao Moreirense, que os encarnados ganharam por 3-1. Dos 49 jogos feitos até aqui, ganhou 35 e manteve a baliza a zeros por 25 vezes. Além disso, jogou 34 vezes na Liga portuguesa, oito na Liga dos Campeões, quatro na Taça de Portugal, duas na Taça da Liga e uma na Supertaça.

 

- Benfica e Atlético de Madrid jogam pelo primeiro lugar do Grupo C da Liga dos Campeões, sabendo ambos que já asseguraram a presença nos oitavos-de-final da competição. O Benfica basta-lhe um empate para ser primeiro e dessa forma evitar jogar com os vencedores dos outros grupos na ronda seguinte, enquanto que o Atlético precisa de vencer para assumir a liderança.

 

- O Benfica não perde um jogo europeu em casa desde 16 de Dezembro de 2014, quando ali foi batido pelo Zenit (1-0). Essa foi, aliás, a única derrota europeia dos encarnados na Luz nos últimos 19 jogos, que deram ainda 15 vitórias e três empates.

 

- Griezmann marcou cinco golos nos últimos cinco jogos que fez pelo Atlético de Madrid (dois ao Galatasaray, um ao Granada, ao Espanyol e ao Sp. Gijón), série na qual só ficou em branco frente ao Betis.

 

- O Atlético de Madrid só sofreu dois golos na atual Liga dos Campeões, os marcados por Gaitán e Gonçalo Guedes em Madrid. Fora de casa, não sofre golos em competições europeias desde Abril, quando Chicharito Hernández fez o 1-0 que chegou ao Real Madrid para o eliminar, nos quartos-de-final da última Champions.

 

- O Benfica procura a quarta série de três vitórias seguidas esta época. Vem neste momento com duas (Sp. Braga e Académica) depois de ter empatado em Astana. Antes, já conseguiu ganhar de forma consecutiva a Moreirense, Belenenses e Astana, a Paços de Ferreira, Atlético de Madrid e Vianense e a Tondela, Galatasaray e Boavista, encalhando sempre ao quarto jogo.

 

- Por sua vez, o Atlético de Madrid segue com doze jogos seguidos sem derrota, pois a última vez que perdeu foi com o Benfica, a 30 de Setembro. Desde então, ganhou nove jogos (seis dos quais consecutivos, antes do desafio da Luz e empatou três, com Real Madrid em casa e Deportivo e Astana, fora.

 

- O Atlético procura, assim, a sétima vitória seguida, algo que já não consegue desde Novembro e Dezembro de 2013 e Janeiro de 2014, quando ganhou consecutivamente a Elche (2-0), Sant Andreu (4-0 e 2-1), FC Porto (2-0), Valência (3-0), Levante (3-2) e Málaga (1-0). Encalhou a 7 de Janeiro de 2014 num jogo da Taça do Rei contra o Valência, que acabou empatado a um golo por causa de um golo de Hélder Postiga nos descontos.

 

- O Benfica ganhou as suas duas Taças dos Campeões Europeus contra equipas espanholas: Barcelona (3-2 em 1961) e Real Madrid (5-3 em 1962). E desde 1982, quando ganhou ao Betis por 2-1, que não vencia espanhóis. Voltou a fazê-lo na visita ao Atlético de Madrid, a 30 de Setembro deste ano, quando se impôs por 2-1 no Vicente Calderón.

 

- O Atlético também viu esse jogo de Setembro interromper uma série de jogos felizes contra portugueses. Em 19 jogos contra portugueses, os colchoneros só ganharam nove, mas tinham vencido cinco dos últimos seis antes de receberem o Benfica nesta Liga dos Campeões.

 

- Fernando Torres, avançado do Atlético de Madrid, marcou ao Benfica na final da Liga Europa de 2013, ajudando o Chelsea a vencer por 2-1. Antes, porém, tinha ficado em branco nas duas partidas dos londrinos frente aos atuais campeões portugueses, em 2012. Como em branco voltou a ficar no jogo de Madrid, em Setembro, ainda que tenha entrado apenas a 13 minutos do final.

- Também Jackson Martínez fez três golos ao Benfica, com a camisola do FC Porto, mas para tal precisou de nove jogos. Pelo Atlético defrontou os encarnados uma só vez, tendo ficado em branco. É uma história parecida com a de Jonas, que enquanto esteve no Valencia marcou dois golos ao Atlético, em oito jogos. E quando jogou pelo Benfica, também ficou em branco.

 

- Há vários jogadores com ligação aos dois clubes neste desafio. Os benfiquistas Jiménez, Salvio, Pizzi e Sílvio já representaram o Atlético de Madrid, ao passo que os colchoneros Oblak, Siqueira e Tiago já vestiram a camisola dos encarnados.